16/12/2014

A Saia Repelente de Homens


SAIA REPELENTE DE HOMENS

Bom, há exatamente um ano atrás eu decidi que queria uma saia longa pra passar a virada de saia longa. Enfim, achei um modelo na internet, comprei o tecido e levei pra mãe de uma amiga, que é costureira, fazer pra mim uma saia longa verde (por causa da tradição de usar alguma cor que tenha um significado bom pra você e tal.. O que é total superstição mais tem gente que acredita, como eu). Dias depois ela estava pronta, e particularmente eu gostei. Só que o que eu não sabia era que algumas pessoas não gostariam tanto assim. 

  Como sempre, eu acabo sempre me importando demais com a opinião dos outros - mesmo fingindo que não ligo pra isso na maior parte do tempo - Acho que não tem essa de não ligar pra isso ou aquilo, porque de certa forma as pessoas acabam nos atingindo com  suas opiniões, preconceitos, piadinhas e seus derivados. Toda vez que eu ia sair de casa com A SAIA, parecia que todo mundo resolvia ficar  me olhando.. Acho que mais pelo fato de ela chamar mesmo muita atenção por causa da cor (verde). Mas não pense que eu sou lá esse tipo de pessoa que gosta de chamar atenção, pelo contrário, eu tenho muita dificuldade em ser centro das atenções, alvo de elogios e vice-versa. Só que com essa saia, eu pedia pra ser notada, mesmo que não tenha sido realmente a minha intenção, quando quis uma saia bem assim.

Moro em uma cidade pequena, do interior do meu estado (Meu Maranhão Lindo), então por mais que as coisas evoluam, aqui vai ser sempre assim, sempre tem aquelas pessoas mais tradicionais, e essas mesmas são as que mais têm dificuldades em aceitar mudanças, no meu ponto de vista. O fato de eu já ter morado fora, me deu isso de ver nas coisas, como a minha saia diferente, algo bem normal, se formos comparar a coisas muito mais esquisitas e estranhas que vemos por aí. De qualquer forma, eu não pretendia despertar isso nas pessoas daqui, eu só não sei não me importar. 

Quanto a mim? Voce acha que eu deixei de usar minha Saia Repelente, só porque as pessoas ficavam olhando demais? Não, eu nao deixei de usá-la. E acredite, os primeiros comentários maldosos eram da família, é claro. Minha mãe e meu irmão ficavam falando que ela era feia, minhas tias até me ofereceram barganha pra eu deixar de usar minha saia, acreditam? (tadinha!)

Uma das minha tias até me disse, que eu não ia conquistar um garoto, se continuasse usando aquela saia! Eu só disse pra ela "bom eu espero que sim" porque preciso que ele veja em mim mais do que só uma saia diferente que tô usando, porque fala sério, que tipo de garoto seria esse, que gostaria de mim por causa de uma roupa? Bom, se algum garoto me dispensasse por isso, eu na verdade deveria ficar muito grata, porque quem quer uma pessoa do lado que só é capaz de enxergar você pela aparência? Eu é que não.

Okay, né?! Enfim todo mundo já tava acostumado, ninguém falava mais nada quando a usava.. Então em um belo dia  - não tão belo assim - ela rasgou, depois de uma lavação de roupas na máquina; e eu tive que deixar de usar minha saia repelente. (pausa para um momento de silêncio. No fim das contas eu fico feliz, porque apesar de tudo, de um ano tendo que aguentar as críticas, eu consegui - com ajuda da saia - não deixar que as críticas dos outros me abalassem tanto. Porque pense numa coisinha chata que é, quando voce tem vontade de usar uma roupa diferente, usar um cabelo diferente, um óculos diferente, ter uma opinião diferente, e tudo o que faz é se deixar vencer pelas críticas e falatórios do outros. Assim não dá! Eu tô descobrindo a cada da dia, que o fato de pensar ou ser diferente de outros, não deve interferir no que eu realmente queira ser, ou naquilo que tenha vontade de fazer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Inspiraflor | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 | POR:
NOS VISITEVIRANDO AMOR