25/09/2016

JASMINE (YASMIM) E O TAPETE.. MÁGICO?


Hoje eu vou contar pra voces minha aventura esses dias voltando do shopping carregando meu "tapete mágico" debaixo do braço (haha) na volta pra casa: 

"Acontece que há dias eu estava precisando comprar um tapete novo (Sabem, aqueles tapetes bem peludinhos que voce coloca no quarto ao pê da sua cama e até parece que está andando sobre as nuvens? Pois é..) Então lá fui eu na minha aventura pegar o Busu (porque um pobre estudante de Letras não tem carro, nem dinheiro pra táxi, todo mundo sabe!) Como não moro a tanto tempo aqui na cidade (IMPERATRIZ-MA) eu não sei muito bem quais os ônibus pegar, então tenho que ir pros terminais ou sair perguntando pro povo ou arriscar parar qualquer um bus e perguntar pro motorista. O fato é, que essa aventura já começou por passar a manhã quase inteirinha lá no terminal - exagero, porque na verdade só fiquei de 10 a quase meio-dia lá - esperando aparecer um que podia pegar. Com muita demora, enfim o bus que podia pegar passou e lá fui eu rumo ao shops á procura do MEU TÃO SONHADO TAPETINHO 😍 Depois de quase 1 hora na Riachuelo apaixonada com tanta coisa legal que têm na sessão de coisas pra CASA/QUARTO, eu encontrei meu peludinho "Tapete mágico" perfeito! E, adivinhem?! Parece que estava lá apenas esperando por mim.. Sério mesmo! Era o único daquela cor (meio creme-cinzento) e daquele tamanho, que não é muito grande, mas também não é pequeno. EM PROMOÇÃOOOO!!! Eu lá olhando e nem me dando conta que estava 30$ a menos que o normal.. A moça que arruma lá as coisas ficou puxando papo comigo e me falou "Olha tá barato né? E é o ultimo desse modelo que ainda tem!" aí eu assim "PERFEITO!  HOJE EU LEVO MESMO!" (Claro que eu não tinha dinheiro pra pagar a vista, mas é pra isso que tem o cartão da loja, certo? Então divididinho de 8x com parcelinhas bem pequenas eu levei ele comigo!)"

"Eu sai da loja tão feliz com meu tapetinho novo que nem tava ligando pras pessoa que olhavam.. (hahahahaha) Não me importei mesmo, muito embora eu soubesse que estava parecendo aquelas pessoas árabes que levam seus tapetes pra todo lugar, pra hora de fazerem suas meditações ou orações (são tradições daquele povo) Aí pra voltar.. Gente.. É incrível como mesmo voce pedindo informações pra pessoas do ponto do bus e até pro motorista, eles ainda fazem voce de besta e te fazem pagar passagem á toa, sendo que o ônibus nem vai pra lugar que voce queria.. Tive que descer e andar a pé, sai lá quanto (quase 1km) nas avenidas mais movimentadas da cidade, que voce fica lá esperando quase uma hora pra atravessar.. Porque claro, que pra ir até o próximo semáforo ou linha para pedestres levaria mais outra hora; sem brincadeira nenhuma! Aqui em Imperatriz-ma, apesar de ser a segunda cidade maior do nosso estado com mais ou menos 234.547 mil habitantes, o caso seja tão sério de falta de organização em questão no que se diz respeito á meios de transportes alternativos (Estou me referindo á falta de ônibus e os pontos destes, que são bem raros) e na questão do transito ser menos favoreceste para pedestres" 

"Cansadona de tanto andar, e o solzão aqui do meu Maranhão.. Vou te contar! (Era detarde, e até que tava meio com cara de que ia chover.. mas mesmo assim pra quem tava andando a horas a pé). Foi sim uma ventura daquelas! Acho que facilitaria se fosse um conto da disney e aquele meu "tapetinho mágico" realmente pudesse voar, KKKKKKKK, aí sim! Ai ai, mas coitadinha de mim, pobre e desiludida tendo que voltar pra casa, tão tão distante, sem paradas de ônibus pra me salvar, e quase chovendo (só o que faltavam, eu e meu tapetinho tomarmos um bom banho de chuva de volta pra casa, né?!) Eu só conseguia pensar "CADÊ MEU ALADIM AQUI, PRA ME SALVAR?!" Desilusão total! Mas.. Voltei pra casa feliz, afinal de contas trouxe meu tapetinho (nada mágico) novo pra casa comigo, e até que a chuva esperou pra chover depois que chegamos em casa" 


Essa foi minha ventura, desse dia, meio feliz/meio indignada, mas faz parte da vida né? Depois, dias como esses rendem boas histórias/resenhas pra gente contar por ai.. inclusive pra voces aqui.  (Contem aí nos comentários as "aventuras" parecidas que voces viveram que agora são motivos para rir quando lembram!)  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Inspiraflor | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 | POR:
NOS VISITEVIRANDO AMOR